quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Eu desejo emagrecer ... E você o que quer?

Se o clima esfria muito, a fome aumenta como resposta 
à necessidade de obter mais energia para manter 
a temperatura do corpo equilibrada.

A visão, o olfato e a audição recebem estímulos que influenciam
o centro da saciedade no cérebro e são responsáveis pela
fome que subitamente sentimos quando estamos diante dos alimentos.

Será por todas essas razões que começamos o controle 
alimentar muito bem intencionados na segunda-feira, 
e depois de algum tempo vamos desanimando? 
Será por isso que vamos incluindo no cardápio alimentos calóricos,
frituras e bebidas alcoólicas que nos prejudicam?


O pior é que arrumamos justificativas para essas 
inclusões inadequadas: dia de festa - só hoje - só um pouquinho etc.
A balança mostra, então, sua face severa e o ponteiro sobe.
É a prova dos deslizes. 
Aí surge o desânimo como reflexo de baixa auto-estima.

De nada adianta fazer dietas malucas e utilizar remédios. 
Para poucos quilos perdidos, muitos outros são rapidamente recuperados.
É preciso mudar o curso dessa história. 
Como vencer o impulso primitivo de exagerar na alimentação,
se o ser humano adora uma mesa farta seguida de uma bela soneca?


Não existe uma única fórmula para todos. 
É preciso mudar condutas que causam obesidade. 
Não é fácil, mas é possível. É necessário desejar emagrecer,
ter disciplina e equilíbrio emocional, abandonando 
hábitos alimentares que fazem parte até do álbum de família,
mas não são saudáveis. 
Incorpore a reeducação alimentar num novo estilo de vida
e acredite no benefício que um corpo mais magro traz
para a saúde e para o bem estar.

Reduzir o total de calorias ingeridas pode ser uma 
forma de retardar o envelhecimento e aumentar a longevidade.
Ajuda a prevenir o diabetes, hipertensão, reumatismo, impotência sexual, 
ataque cardíaco, derrame cerebral, câncer e outras doenças degenerativas. 


Vamos então comer menos e viver mais?
Procure o prazer em outras esferas da vida e não apenas nos alimentos. 
Você só terá vantagens. 

É isso que quero propor a vocês hoje, novos hábitos, 
uma nova perspectiva e uma vida nova sim,
mesmo sem mudarmos de cidade .

Podemos ser outras pessoas de atitudes diferentes  e 
de vida nova trocando simplesmente hábitos de nosso dia-a-dia.
Vamos começar mudando simplesmente hoje a nossa forma de pensar, 
para amanhã escolher o que vamos comer.

Quero e posso uma vida nova e diferente, 
no momento em que eu quiser. 
E vou fazer deste momento o agora. 

Não vou mais deixar que os impulsos, sentimentos e 
alimentos errados que eu mesma escolhi tomem 
conta de mim, vou sim fazer do hoje o meu dia da mudança.

Espero que assim como eu vocês também desejem emagrecer,
e assim não vamos mais nos permitir errar.

15 comentários:

Bethynha disse...

adorei esse texto...
temos que ter conciencia disso ne...
vamos viver mais e comer menos..
nossa sapude e nosso corpo agradecem..
mas temos que ter muita disciplina mesmo..e força de vontade..
não eh impossivel..so eh dificil..mas que com força podemos vencer...
vamos la amiga...
Natal esta chegandooooo
bjos e boa quarta

Maria disse...

ÓTIMO TEXTO AMIGA, TBM ESTOU ASSIM EQUILIBRIO É O QUE ME MANTÉM NO FOCO, NÃO FAÇO MAIS DIETAS MALUCAS, SÓ SUBSTITUIÇÕES E VEJO GRANDES RESULTADOS!

BJOS

Cintia disse...

Eu tbem quero emagrecer!!!

Já tentei milhares de vezes emagrecer e nada...
Mas é como você escreveu com disciplina, força de vontade e equilibrio chegamos lá.
O processo é meio doloroso para os viciados em comer mais não impossivel.
Beijão e ótimo dia

Daniela disse...

Oi Lucy! Vim retribuir a visita e agradecer pelo recadinho. E já estou ficando por aqui!
Eu quero mto emagrecer, atingir ou ultrapassar a meta, sei que serei mto + feliz! E concordo plenamente coim vc que não existe milagre e sim mudança no estilo de vida e nos hábitos.
Bjos!

Dani disse...

Olá amiga!!
Obrigada pela visita!!Mtto bom esse texto!! Vem bem ao encontro da idéia que hj tenho de reeducação alimentar, que vai mais além...é a idéia que tenho de alguém que mudou de vida, adotando hábitos mais saudáveis!!
Que Deus te abençoe, ilumine e fortaleça!!!
Bjos

VIVI- vencendo a cada dia!!! disse...

Oi querida,

Gostei do texto...realmente equilíbrio é tudo e fazer boas escolhas e não deixar as emoções tomar conta e assim vamos colher ótimos resultados!!

beijos e ótima quarta

Bel do Lu disse...

Eu mudei hábitos e procurei ficar firme na mudança. Tem dado certo e tenho feito tudo com tranquilidade, pois acho que ansiedade engorda, hehe!

Ana Christiane (Aninha) disse...

POST MUITO INTERESSANTE LUCY....EMAGRECER EXIGE UMA MUDANÇA PARA O RESTO DA VIDA MESMO!!!BJUSSSS MINHA LINDA TENHA UM ÓTIMO DIA

É Agora... disse...

Nossa adorei esse texto...
Obrigada pelas palavras de incentivo e por estar me seguindo, já estou te seguindo tbm...

Bjinhos!!!

myself disse...

É uma realidade... temos de ser nós a fazer alguma coisa para mudar a nossa historia....
Vamos batalhar...
Força
Bjs

Pri Gaby disse...

Amiga, lindo texto.
Eu desejo emagrecer ... E você o que quer? Minha resposta: EU QUERO MUITO EMAGRECERRRRR...kkkkk
bjs e uma ótima quarta feira.

Sabores e Sensações disse...

Oi, Lucy!
Bora emagrecer e fazer as escolhas certas.
Beijos,
Re

Desabafo.com disse...

Gostei do que li mas a realidade é cruel é muito difícil,pelo menos pra mim tem sido super difícil não gosto de coisas "gordas " ja adotei hábitos saudáveis mais ficar magra vai além. espero chegar lá bjão ke

Angy disse...

"Não existe uma única fórmula para todos.
É preciso mudar condutas que causam obesidade."

Essa parte do texto em sua postagem é uma grande verdade.
Demorei muitos anos para perceber isso e como toda obesa, passei tempo demais procurando pela fórmula mágica! rs

Mas como dizem, nunca é tarde para perceber e querer mudar! ^_^
Bjs

Ex não vaidosa disse...

Saudações Lucy!!!! Hummmm.... acho que é um pouco extremista, temos de tomar muito cuidado com o termo "reduzir calorias" pois muitas pessoas podem pensar em anorexia... e anorexia mata vagarosamente como obesidade huh... vivemos no meio desses dois extremos. Precisamos brigar para nos manter no meio! Beijos e abraços!