quarta-feira, 17 de novembro de 2010

O mercado dos excessos....

Sempre que possível gosto de voltar a questão da discriminação sofrida
pelas pessoas com sobrepeso e obesos, mesmo com esse
boom da mídia, nunca se falou tanto deles melhor de nós afinal
também me incluo, o tempo passou mas as mesmas questões permanecem.

Outro dia li uma reportagem falando de uma entrevista com mulheres,
sobre capas de revistas femininas e masculinas, e à elas foi perguntado por que
 não abrirmos a oportunidade de pessoas gordas serem capas das revistas de moda,


beleza, estética e tantas outros segmentos, e saibam qual foi meu espanto
o resultado foi o seguinte de 100 mulheres entrevistadas, somente 24
concordaram com isso, todas as outras querem mesmo manter o tipo de
 capas que temoshoje mulheres magérrimas por natureza,
ou aquelas belas mas que passaram por um bom fotoshop.
assim fica fácil né.

(katie holmes atriz)

Mas é isso meninas, infelizmente existem muitos interesses por traz
disso, o que seriam das clínicas de estéticas se não existissem mulheres
enlouquecidas por tratamentos , e as grandes farmacêuticas com a venda de
medicações que prometem milagres, e as academias que vendem
a imagem de corpos sarados em pouco tempo,e os cirurgiões que a cada esquina
 encontramos com as suas técnicas de redução disso ou aquilo.

Eu acredito sim em pessoas que cuidem de sua saúde, se alimentem
melhor, façam exercícios e mesmo assim ainda assim estão acima do peso.
Ser obeso minha gente não significa comer somente porcaria, ou ser
totalmente sedentário e muito menos ter taxas de coleterol e glicemia altíssimas.

Até por que obesidade é uma doença e a sociedade em que vivemos
faz questão de cultivar essa sensação de mau-estar dos gordinhos,pois como
vão vender comidas lights, shakes, e as pípulas e chás da moda...
Precisamos nos conscientizar de tudo que nos é empurado de certa forma
e passar a cuidar de nossas mentes ver direitinho o que pode ou não
nos fazer bem, o que realmente nos incomoda, ou que está acontecendo com
nossa saúde para que apartir daí seja traçado um estilo de vida
saudável mas muito certo das nossas necessidades.


30 comentários:

Angélica disse...

oi flor, adoro seu cantinho mas nunca consigo entrar, da erro, erro, erro, sniff ma shoje não deu, vim te desejar uma linda noite,bjs.

O mundo de Joana :P disse...

Olá, obrigada pela visita lá nho blog..adorei a guia conehcendo histórias...muito legal msmo. Um bjo!

Jadhy disse...

É isso mesmo. Isso me faz lembrar de uma frase que li em algum lugar... "Quem gosta de pobre é intelectual de esquerda. Pobre gosta é de luxo." Acho q somos todas um pouco assim tb, né? Infelizmente...

Cyntilante disse...

é.. infelizmente pra muitas pessoas, obesidade é sinal de pouca vergonha.. de indisciplina.. de gula, etc.. não percebem que de fato é uma doença e deve ser tratada como tal.
adoro seus posts...
bjs

Eli disse...

Oi, boa noite!
ADOREI o texto, perfeito!!!
Bjão

Letícia disse...

Uma história que aconteceu em casa: meu pai é obeso. Ele começou a trabalhar numa empresa e tempos depois o patrão comentou que só o contratou pois recomendaram muito bem o trabalho dele. Disse que se não tivesse nenhuma indicação não contrataria um gordo, pois transparece relaxo, descuido. Triste isso né? Discriminação acontece sim!
Por essas e outras que resolvi passar a perna na tendência que a minha família tem para engordar...
Beijos!

Patrícia Medeiros disse...

Bem que as capas poderiam melhor mesmo... Mostrar o que de fato é real, sejam mulheres magras por serem magras mesmo, ou saradas por que malham muito, ou ainda, mulheres com excesso de peso, mas são lindas.

Bjos!

Alexandra disse...

A sociedade em que vivemos é mesmo ridícula... Quando a obesidade já é considerada uma epidemia e quando há milhares de pessoas obesas, idulatra-se a magreza. Dá que pensar!

♥ ♥ Nanny Rodrigues ♥ ♥ disse...

Oie passando pra te desejar uma ótima semana beijão!!!

Belíssima disse...

É ... e cá estamos nós na luta contra a balança e a favor de uma vida saudável...
bjs

Aida Seabra Moura disse...

É isso mesmo,concordo plenamente contigo, mas a sociedade faz isso , vendem uma imagem e depois tentam de tudo para vender essa imagem , que muitas vezes nem é real, parabéns as mulheres que nasçem lindas e magras, mas parabéns a nós também também somos lindas... de outra maneiras. Eu tenho a sorte de ter casado com um homem que me ama e muito, pois sempre fui magra ate ter ficado doente( depois engordei e muito), mas que continua a me amar mesmo tendo aumentado tanto de peso,eu é que não me amava, agora eu estou a tratar de mim, a me amar a querer estar melhor comigo. jinhos carinhosos e parabéns e obrigada por partilhares isto connosco.

Eliane disse...

oie mais um post otimo . e vc como esta na ra ? andei dando umas jacadas mas aprendi ...recomeçar sempre !!

bom retim de semana ...

bjinhos!!!

Romeyka Aguiar disse...

Oie flor

Olha a verdade é que as capas não são reais ...

são tão retocadas, tão photoshopadas que a gente

não sabe mais o que de fato é verdade, será que

a cintura tão fininha é real ???? a pele nem se

fala ... não existe !! rssss

bjssssssss

★$ Naиđ♂ N£яi $★ disse...

Também se esquecem que existe homens magros e mulheres magras com colesterol alto e outros problemas. Eles também precisam de R.A.
Beijo no coração!

Emanuelle disse...

oiee lindaaa...
obrigada pelo recadim!!!!
pois é, essas revistas inves de levantar o astral das mulheres, fazem é o contrario, a mulher ve a revista, ve os padroes de beleza imposto pela sociedade e midia, e acaba se entristecendo por nao ter essa beleza, e como vc disse, conquistada com photoshop . cirurgias e mta maquiagem! ai é facil ne! eheh
bjusss

Renata disse...

Oi Lucy, obrigada pela visita! Seja bem-vinda ao meu cantinho.
Gostei muito do seu tb.

Meu e-mail: renatatavaresviana@gmail.com
Pode escrever quando quiser.
Será um prazer conversar com você.

bjs

Kéca disse...

adoro suas dicas e reportagens
beijos♥

Dida - Futura Ex-Gordinha disse...

Adorei seu post!
É pura verdade!
Beijos

Michelle Lima disse...

Oii, adorei o texto, muito bom mesmo e reflete a realidade. Mas como vc disse, acho que temos que ser maiores (sem trocadilhos...rsrs) que tudo isso. Por exemplo, eu eliminei 25kg e ainda pretendo eliminar mais 16kg para chegar aos 65kg, que são considerados muito para a minha altura: 1,56m. Mas se com 65 kg eu estiver me sentindo bem, pra que emagrecer mais? Minha intenção não é ser magrela, Deus me livre, aho horrivel pessoas magras demais, minha intenção é ser saudável e estar de bem comigo mesma. É nisso que todo mundo deveria pensar.
Beijos

Ro disse...

é isso aí!! saúde em primeiro lugar!!!
bjinhos

Rosângela Massoterapeuta disse...

Oi FLor
Vida saudável sempre...sem exageros!
Beijosssss

Giovana disse...

Oiii...

adorei seu post!!
Triste saber que a maioria das mulheres preferem se "sabotar" vangloriar uma capa de revista que sabe que não é real...

Bjs!

Elis disse...

Realmente... é complicado, mais é verdade, as mulheres são muito visuais, se em um comercial a garota propaganda for uma gordinha, grande parte das mulheres não vai adquirir o produto pois com certeza não vai se identificar com ele, agora coloque a Angelina Jolie, a situação é outra... sabemos que não somos parecidas, mas quem sabe se usarmos o tal produto.
Coisa de louco, né?
. Mais somos assim mesmo.
Bjos
Elis

cacau - Blog Magrinho disse...

Oi, sempre acho esse assunto um pouco polêmico.. eu não concordo com a magreza excessiva,assim como tambem não gosto de capas de revista assim como essa da ELLE, sinceramente todo tipo de preconceito e exclusão é pessimo, mas eu não consigo achar isso bonito e sempre que vejo aquelas modelos pluz size com rostos de anjo só consigo pensar "como ela seria linda se emagrecesse". E outra apesar de toda a pressão da mídia pra sermos padrão Gisele, a obesidade está se tornando epidemia. Lógico que as empresas tentam vender perfeição pra que a gente se sinta mal mesmo e assim na busca pelo ideal peguemos qualquer dinheiro, façamos qualquer negocio. Mas encher capas de revistas de gordinhas não me parece solução pra nada!
Bjus

Muriel disse...

Oi, lindinha..
Amei seu post..
Conheço varias pessoas obesas que não ligam..
Continuam comendo de tudo, não fazem atividade fisica tanto como precisam, compras as roupas que se acham linda, vão a praia e colocam biquinis minusculos, ..
Não sei se é um comportamento falso... mas o fato é que existem pessoas assim...
Eu não conseguiria.. Álias não consigo..
Tento emagrecer.. tento não comer.. Tento e as vzes consigo...
Bjus e adorei seu comentário..

Fabiana disse...

Oi Lucy tem selinho pra vc no meu blog !
bjinho !

Ana Lyvia disse...

Post mto inteligente Lucy.

Adoro suas idéias e a maneira como vc escreve.

bjos!

Anne Costa disse...

Pois é amiga,a mídia vende um corpo magro,mulheres lindas na capa e o que acontece é isto,pessoas com transtornos alimentares,jovens morrendo por dietas restritivas.
Temos que traçar uma linha entre o que é saúde ou excesso de vaidade e não cair nestas armadilhas impostas né?

Beijos!!!

VIVI - VENCENDO CADA DIA!!! disse...

Oie amiga,

É realmente o que vemos muito são corpos super magrelos e a indústria da moda, ressalta muito isso...
E muita menina, ficando é muito doente, pra se manter magra...
Eu tenho uma enteada que fazia vômito pra ficar magra..ela estava era acabando com a saúde!!

beijos

mayarasantana disse...

Amei a imagem HDL e LDL...rsrs


Pode copiar?...hahaa.

Um grande beijo querida!